Saiba como evitar o desvio de combustível!

Compartilhe esse conteúdo:

Quando uma empresa possui uma frota, é comum que os gestores sejam precavidos quanto aos gastos para manter a operação em pleno funcionamento. Por isso, é preciso estar atento a um possível aumento da frequência de abastecimento, que pode ser um indício de desvio de combustível.

Como os veículos podem ser utilizados para as mais diversas finalidades, desde o transporte de mercadorias até a prestação de serviços na residência do cliente, é fundamental acompanhar os custos referentes a sua utilização.

No decorrer deste artigo, você saberá quais sinais indicam que a sua empresa está sendo afetada por esse tipo de situação. Continue lendo e conheça soluções que podem ser adotadas.

Desvio de combustível: o que é esse problema

Esse é um obstáculo mais frequente do que se imagina e pode se manifestar em empresas de diversos setores. O desvio de combustível representa o roubo de gasolina, etanol ou diesel pelos próprios motoristas ou profissionais que têm acesso à frota.

Esse tipo de fraude pode ocorrer no momento do abastecimento no posto ou quando há a transferência de combustível para veículos que não fazem parte da frota

Além disso, existe uma parcela dessa perda que é ocasionada pela gestão ineficiente do consumo de combustível. O principal desafio para gestores é identificar a ocorrência dessa situação quando não há registros sobre:

  • rotas adotadas pelos motoristas;
  • frequência de abastecimento por veículo;
  • valor pago por cada abastecimento do veículo;
  • consumo de acordo com a quilometragem percorrida;
  • incidência de mudanças no trajeto sem relação com as atividades profissionais, mas devido a motivos pessoais.

Impacto nas finanças da empresa

Os gastos para manter a frota abastecida constituem um dos principais custos de empresas prestadoras de serviços. Independentemente do porte dos veículos ou do tamanho do empreendimento, é fundamental que o acompanhamento da operação seja efetivo.

Quando o consumo de combustível atinge patamares elevados e o desperdício se torna visível, o gestor deve buscar soluções imediatamente. Por esse motivo, o gerenciamento do abastecimento deve ser aprimorado frequentemente, pois o aumento dos custos pode elevar os preços dos serviços.

Como resultado, a empresa pode se tornar menos competitiva no mercado.

Soluções que podem ser adotadas

É importante reconhecer que vários fatores podem influenciar o consumo de combustível da frota. Portanto, é preciso avaliar o modo de condução do motorista, acompanhar o andamento do tráfego no trajeto e o uso de equipamentos, como o ar-condicionado, para evitar o desvio de combustível.

Avalie a eficiência energética da frota

O processo de economia com os gastos da frota começa antes mesmo da aquisição dos veículos. Para isso, é importante comparar a eficiência energética entre os modelos em análise para escolher a opção mais adequada.

Vale ressaltar que essa não é uma informação universal, mas o seu uso é justificado, pois apresenta estimativas que podem ser úteis para obter um padrão médio aceitável.

Apure o consumo por quilômetro rodado

Quando o gestor de frota tem uma estimativa do rendimento do veículo por quilômetro percorrido, é possível identificar o aumento no consumo com facilidade.

O acompanhamento deve ser feito diariamente, em todos os veículos. Essa checagem pode ser manual, com um profissional que consulta a quilometragem antes do início da viagem e no momento do retorno do motorista.

Porém, é recomendado utilizar programas desenvolvidos para realizar essa finalidade. Os sistemas de controle de combustível oferecem diversas funcionalidades e permitem o cadastro de veículo de categorias distintas, como:

  • motocicletas;
  • carros;
  • vans e utilitários;
  • caminhões.

Essa tecnologia também permite analisar os custos de manutenção da frota que refletem diretamente na política de preços dos serviços prestados.

Controle a frequência de abastecimento

Empresas que não dispõe de controles informatizados podem enfrentar problemas para identificar este tipo de situação. Afinal, o aumento da frequência de abastecimento é um dos primeiros sinais de que os recursos da empresa estão sendo desviados.

Portanto, para evitar esse prejuízo, é preciso acompanhar de perto o desempenho dos veículos e manter um registro do histórico de consumo.

Avalie o estado de conservação dos veículos

Conforme foi abordado, a gestão ineficiente da operação também pode ser responsável pelo aumento dos gastos com o abastecimento da frota. Quando os veículos não passam por manutenções periódicas, podem ocorrer falhas e defeitos que reduzem o rendimento por litro de combustível.

Nesse caso, a solução requer a verificação dos equipamentos e componentes do veículo e a realização de calibração dos pneus. As empresas que atuam com o transporte de mercadorias estão sujeitas a riscos ainda maiores quando não respeitam o limite de carga e sobrecarregam o veículo.

Por isso, condições adversas são prejudiciais e devem ser evitadas para garantir a boa performance da frota.

Adquira um sistema de gerenciamento de frotas

Geralmente, o investimento em tecnologia representa uma solução para diversos obstáculos que a frota pode vir a enfrentar. No caso de problemas como o desvio de combustível, um sistema é uma fonte de informações importante que considera:

  • as condições da via;
  • a prática de excesso de velocidade;
  • o fluxo de veículos e congestionamentos;
  • o comportamento do motorista na direção;
  • a incidência de frenagens e acelerações bruscas.

Os fatores mencionados acima têm relação direta com a quantidade de combustível consumido durante o trajeto e devem ser analisados com atenção.

Conscientize a equipe de motoristas

A participação da equipe é fundamental para prevenir essa prática tão prejudicial para a lucratividade da empresa. Portanto, é preciso investir em treinamentos e campanhas que procurem incentivar um comportamento ético dos profissionais.

Quando a conscientização dos funcionários é inviável, a alternativa é implementar controles para verificar o consumo e instituir penalizações quando o desvio é comprovado.

Esse é um cenário que demonstra a vulnerabilidade dos processos que precisa ser corrigida para evitar maiores perdas.

A tarefa de manter uma frota abastecida já é complexa devido à oscilação dos preços que podem impactar o orçamento da área. Portanto, é recomendado tratar o desvio de combustível com seriedade.

Acesse nosso site, descubra nossas soluções personalizadas e como a gente pode te ajudar!


 

Existimos para libertar a logística através da tecnologia, resolvendo questões reais e humanas. Somos uma startup que através de IoT conecta carros à internet, combinando excelência em engenharia e ciência de dados.

www.cobli.co

euquero@cobli.co || (11) 4810-2200

Você já classificou este conteúdo.

Leia também:


Compartilhe esse conteúdo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *