Rastreamento de frota via satélite: como funciona esta tecnologia?

rastreamento-de-frota-via-satelite-como-funciona-esta-tecnologia
Compartilhe esse conteúdo:

A aplicação de tecnologias, como o rastreamento de frota, tem tornado a operação de empresas atuantes em diversos setores mais segura e econômica. Com isso, é possível resolver muitos problemas cotidianos, como a redução de sinistros, controle da jornada de trabalho e posicionamento de cargas durante o trajeto de entrega.

O crescimento do mercado de sistemas de rastreamento é devido, principalmente, a sua efetividade para evitar o roubo de veículos e da carga, bem como auxiliar na sua recuperação.

Você está interessado em conhecer alternativas para proteger o patrimônio da sua empresa? Então este post foi desenvolvido para você. Confira!

O que é o rastreamento de frota via satélite?

A tecnologia de monitoramento é um mecanismo que permite localizar a frota equipada com GPS de qualquer local em tempo real. Além disso, também é possível acompanhar todo o trajeto, o que possibilita:

  • controlar a velocidade mantida;
  • identificar o número de paradas realizadas;
  • verificar a incidência de desvios na rota planejada.

Como funciona a localização via satélite?

Para garantir que a sua empresa esteja efetivamente equipada, é preciso conhecer quais são os equipamentos e plataformas necessárias.

Software de rastreamento

Para que as informações da localização da frota possam ser consultadas e gerenciadas pelo gestor, é preciso adquirir um software desenvolvido para esse fim. Essa solução é acessível para qualquer tipo de empresa que possua frota própria dedicada a sua operação.

Em outras palavras, caso o investimento seja interessante para a sua estratégia organizacional, é possível contratar uma ferramenta para empresas que possuem a partir de um veículo.

Dessa forma, o usuário tem acesso à posição do veículo e pode realizar o acompanhamento da frota. Além disso, existe a possibilidade de personalização, com a inclusão de serviços adicionais de acordo com a sua necessidade.

Os mais comuns são:

  • instalação de telemetria;
  • bloqueio do veículo em caso de emergência;
  • programação de sensores nas portas do veículo; e
  • envio e recebimento de mensagens entre a central e o motorista.

Dispositivo de GPS

A sigla GPS tem origem no termo em inglês Global Positioning System e pode ser traduzido como Sistema de Posicionamento Global. Essa tecnologia permite que uma pessoa possa se localizar em qualquer ponto do planeta com elevado grau de precisão.

Como os receptores de GPS encontram-se cada vez mais avançados, é possível adquirir o equipamento a preços acessíveis, reduzindo uma parte significativa dos custos. Além da sua portabilidade e facilidade de manuseio, a possibilidade de obter a localização instantaneamente é um aspecto importante.

O seu funcionamento é baseado em um método chamado de trilateração, que coleta a posição de latitude e longitude para determinar as coordenadas geográficas. Desse modo, os receptores recebem, descodificam e processam os sinais emitidos pelos satélites para realizar o cálculo da posição.

Rede GSM/GPRS

Atualmente, o método mais comum de transmissão de dados entre o rastreador instalado no veículo e a central utiliza a rede de celular GSM/GPRS. Essa integração é responsável por disponibilizar a localização de carros e caminhões em uma plataforma online.

Essa cobertura funciona bem em áreas urbanas, mas também é ideal para regiões rurais, mantendo o mesmo nível de precisão. Com essa forma de gerenciamento, o gestor pode optar por incluir adaptações que aprimoram o monitoramento, como a identificação do motorista e telemetria.

Quais empresas podem se beneficiar com o rastreamento?

A princípio, as principais empresas usuárias se concentram no mercado de transporte de mercadorias. Essa predominância é devido à necessidade de garantir a segurança da carga e do veículo, por meio da sua localização durante todo o trajeto.

Essas empresas também são vítimas da criminalidade nas estradas onde o roubo de carga atinge níveis preocupantes, o que justifica o investimento.

Contudo, basta que uma empresa possua uma frota dedicada a sua operação para ser beneficiada com os sistemas de rastreamento. Alguns exemplos de empreendimentos são:

  • construtoras
  • prestadores de serviço;
  • empresas de suporte técnico;
  • empresas de montagem de móveis;
  • transportadoras de pequeno e médio porte; e
  • concessionárias de energia, água e telefonia.

Quais são as vantagens dessa tecnologia?

Os principais benefícios podem ser percebidos em diversas áreas, desde o gerenciamento da frota até os custos operacionais.

Economia de custos

Manter uma frota, seja ela leve ou pesada, agrega diversos custos que podem pesar no orçamento e comprometer a lucratividade do negócio. Para contornar essa situação, os sistemas de monitoramento veicular representam uma boa fonte de economia.

A primeira redução é observada no consumo de combustível, uma vez que as rotas são otimizadas para aumentar a agilidade. Essa característica também é responsável por minimizar os gastos com manutenções e reparos.

O tempo gasto nas paradas para atendimento dos clientes também pode ser minimizado, o que evita a ociosidade da frota. Com esse tipo de ferramenta disponível, o gestor tem controle sobre o horário dos motoristas e profissionais que utilizam a frota. Esse fator previne a ocorrência de horas extras excessivas e reduz os custos com a folha de pagamentos.

Acompanhamento do comportamento do motorista

Um dos principais problemas com a gestão da frota é a dificuldade de evitar que o motorista utilize os carros da companhia para fins pessoas. Afinal, esse fator representa um custo excessivo para a empresa com combustível e manutenção.

Por isso, o sistema registra os hábitos do condutor, cataloga a incidência de infrações de trânsito e as multas resultantes. Os alertas referentes ao vencimento de carteira de habilitação e a sua pontuação também podem ser parametrizados.

Monitoramento da segurança

O aumento da segurança da operação é a principal vantagem para investir nesse tipo de sistema. Contudo, é preciso compreender em quais aspectos a segurança pode ser aprimorada.

Além do posicionamento do veículo em tempo real, o sistema fornece visibilidade sobre a velocidade mantida, incidência de acelerações e frenagens bruscas, e emite alerta em caso de desvios na rota.

Embora seja uma medida preventiva, o rastreamento pode ser considerado como parte de uma estratégia corretiva. Isso é possível devido ao seu apoio para recuperar veículos roubados e a possibilidade de envio de socorro para carros quebrados ou que sofreram acidentes.

É preciso destacar que um dos ganhos mais favoráveis com o sistema de rastreamento de frota é o aumento da competitividade. Por isso, a exploração de novas tecnologias constitui uma estratégia relevante para a melhoria do nível de serviço e, consequentemente da satisfação dos clientes.

Queremos conhecer quais são as suas necessidades em termos de rastreamento veicular.  Acesse nosso site e conheça como essa tecnologia pode aperfeiçoar a sua gestão de frotas.


 

Existimos para libertar a logística através da tecnologia, resolvendo questões reais e humanas. Somos uma startup que através de IoT conecta carros à internet, combinando excelência em engenharia e ciência de dados.

www.cobli.co

euquero@cobli.co || (11) 4810-2200

Este conteúdo foi útil?
Conte para nós se o conteúdo foi útil. Assim, podemos torná-lo cada vez melhor para você!
Sim0
Não0

Leia também:


Compartilhe esse conteúdo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *