Por que contar com a Inteligência de Negócios na gestão de frotas?

Por que contar com a Inteligência de Negócios na gestão de frotas?
Compartilhe esse conteúdo:

Ao longo da história, podemos ver muitas casos de sucesso de pessoas que conseguiram construir grandes empreendimentos com base em suas ideias, intuições e tino para os negócios.

Contudo, os anos passaram, e o cenário atual é um pouco mais desafiador. A globalização, internet e profundas mudanças no comportamento dos consumidores, que se tornaram cada vez mais exigentes, demandam mais das empresas.

O mercado é extremamente competitivo, assim, uma instituição precisa investir mais em boas estratégias para poder emplacar bons resultados. Caso contrário, a sustentabilidade do negócio fica comprometida.

Nesse contexto, cada vez mais empresários têm tirado proveito do volume massivo de informações que circulam pela web e pelas empresas — como históricos de compras, pesquisas de satisfação, comportamento dos clientes nas redes sociais, entre outros.

Por meio da análise desses dados, descobriram que muito pode ser compreendido sobre tendências e táticas de negócio. Esse material se provou ser valioso na hora das tomadas de decisões com foco na eficiência e nos resultados para empresas de diversos segmentos. E para a gestão de frotas, essa realidade não seria diferente.

Essa estratégia que usa a análise de dados para traçar o direcionamento estratégico de uma empresa é conhecida como Inteligência de Negócios — ou Business Intelligence (BI), em inglês.

Se você deseja inovar e delinear novos rumos para a gestão de frotas da sua empresa, precisa conhecer mais sobre essa tendência de mercado. Então, continue a leitura desse conteúdo e entenda a importância de adotar a Inteligência de Negócios no presente para poder planejar o futuro. Acompanhe!

Afinal, o que é Inteligência de Negócios (BI)?

A inteligência de negócios (BI) é um conjunto de metodologias, processos e tecnologias aplicadas na coleta, análise, organização e monitoramento de informações de diferentes fontes, utilizadas como base para a gestão de um negócio.

As fontes dos dados podem ser da própria empresa, levantados dos relatórios, resultados e indicativos que circulam pela corporação. Em um segundo momento, informações acerca das necessidades dos consumidores e do mercado — tendências, movimentos da concorrência, aspectos econômicos e tecnológicos globais, entre outros — devem ser incluídas também na análise de dados.

Todo o sistema de Inteligência de Negócios é conduzido com um objetivo específico em mente. Ou seja, os gestores refletem sobre o que gostariam de aprimorar na organização, formulam questionamentos para “perguntar aos dados” e, assim, a análise é conduzida com foco nas metas estratégicas da empresa.

Entretanto, o volume de informações geradas diariamente tanto na internet quanto dentro de uma organização é gigante. Para processar tudo isso e usar o conhecimento dos dados a seu favor, a empresa precisa contar com a tecnologia e o apoio de um software que fará a coleta, integração das diferentes fontes e armazenagem dos dados.

Um software de BI também se ocupa a processar os dados, explorá-las e, dessa maneira, gerar relatórios com informações relevantes e detalhadas que serão usadas pelos gestores como base para a criação ou reestruturação de processos dentro da organização.

A ideia por trás do BI é buscar sempre melhores práticas e estratégias que potencializem o desempenho da empresa. Por meio de um exame detalhado das informações, o empresário pode descobrir tendências e oportunidades de negócio, ou até mesmo descobrir falhas e gargalos que não tinha percebido posteriormente.

Por essa razão, cada vez mais empresas — de todos os portes e segmentos —, integram soluções de Inteligência de Negócios e usam a análise de dados para tomar decisões importantes.

Em plena era da informação, em que o crescimento de redes sociais e novas tecnologias é exponencial, quanto mais conhecimento sobre mercado e tendências uma empresa tem, mais competitiva ela consegue se posicionar.

É importante estar alinhado com a modernidade e saber como é possível inovar em seu setor de atuação. Para isso, o BI oferece para empresas uma visão ampla e em tempo real da performance da instituição e do mercado. Assim, gestores conseguem se planejar melhor e entender o que é preciso para se diferenciar.

Qual a importância dos dados na gestão de frotas?

A gestão de frotas, como vários negócios, é repleta de desafios: ociosidade de veículos e do motor, desempenho do motorista, perda e roubo de cargas, custo elevado do transporte, entre outros. Esses problemas tem impacto direto nas despesas e na lucratividade da empresa.

Nesse tom, a Inteligência de Negócios é um recurso que permite que executivos tenham mais visibilidade do empreendimento, entendendo cada área com mais precisão e identificando os problemas e suas causas. Tudo isso de forma mais simples e acertada.

Atualmente, o mercado está sempre em constante mudança, portanto, é imprescindível saber como se adaptar e responder rapidamente às transformações e novas tendências.

Assim, contar com a análise de dados na gestão de frotas é uma ferramenta valiosa que auxilia gestores a tomar decisões mais embasadas e identificar diferentes cenários e oportunidades. As soluções de BI são capazes de processar um alto volume de informações rapidamente, otimizando o tempo das equipes para decidir e elaborar novas ações.

A tecnologia se tornou uma grande aliada no mundo dos negócios. Dessa maneira, empresas que assumem uma conduta mais resistente e não inovam fatalmente podem ficar para trás.

Os processos logísticos têm muito a ganhar com a implementação de soluções digitais nas operações. Softwares auxiliam equipes a otimizar processos e reduzir falhas e custos.

A automação logística oferece uma base mais estruturada para o funcionamento das atividades na cadeia de suprimentos. Isso contribui para a melhoria dos serviços e do atendimento ao cliente. Ao optar por processos mais simplificados, a empresa passa a tomar decisões mais eficientes e investe em qualidade.

Além disso, sistemas modernos possuem funções como rastreamento e monitoramento de carga em tempo real, personalização e otimização de mapas e rotas, entre outros recursos que conferem mais controle ao gestor de frotas.

Conheça 5 vantagens de contar com BI para a frota de veículos

Ter um conhecimento mais significativo dos dados e usar informações estratégicas a favor dos negócios são recursos extremamente vantajosos para empresas. A Inteligência de Negócios oferece informação precisa, confiável e em tempo real visando otimizar processos corporativos.

Agora que você já conhece a importância dessa ferramenta para o futuro da sua empresa, conheça 5 vantagens e veja por que você precisa contar com BI agora mesmo:

Contribui para a gestão de riscos

A automação de operações logísticas implica em mais qualidade, agilidade e economia de recursos. Por conta da eficiência que a tecnologia traz, é possível minimizar erros, falhas, desvios e eliminar processos repetitivos ou desnecessários.

Com informações mais organizadas e sólidas, a gestão de riscos é facilitada, uma vez que é possível prever desafios futuros e verificar inconsistências atuais. Com a Inteligência de Negócios, a empresa não precisa mais lidar com dados subjetivos ou incoerentes, mas sim tem acesso a informações úteis e confiáveis sobre a performance da instituição.

Ajuda no planejamento estratégico

Muitas empresas desejam crescer e compila uma grande quantidade informações sobre negócios, mas não sabe exatamente o que fazer para atingir seus objetivos. O BI trabalha os dados de forma otimizada, facilitando o acesso aos conhecimentos de modo mais simples e acertado.

Assim, o empresário compreende seu negócio muito mais, além de dominar informações táticas sobre o mercado, a concorrência e seus clientes.

Tem papel importante na tomada de decisões

Na hora de tomar decisões estratégicas e desenhar um novo caminho para a empresa rumo à inovação poder contar com informações alinhadas e pertinentes é um grande diferencial. Conhecer de forma integral sua empresa e o cenário atual dá mais confiança para que o empresário faça escolhas e analise riscos.

Aprimora métricas e indicadores

Indicadores de performance são muito importantes na gestão de frotas para que os gestores acompanhem o desenvolvimento da equipe e da empresa como um todo. Alguns exemplos de indicadores essenciais para a logística são:

Métricas e indicadores de desempenho devem ser monitorados continuamente para manter a excelência dos serviços e controlar custos. Por isso, é crucial poder contar com informações estruturadas fornecidas pelos sistemas de Inteligência de Negócios.

Esse recurso facilita o entendimento dos resultados e gera relatórios claros e diretos que são usados nas tomadas de decisão.

Fideliza clientes

Uma gestão de frotas mais eficiente, com o apoio da Inteligência de Negócios, está mais preparada para atender às demandas dos clientes e até superar as expectativas.

Caso a empresa deseje investir em divulgação para conquistar novos clientes ou reter consumidores atuais, a análise de dados fornece informações mais completas que proporcionarão material para uma publicidade mais direcionada, com maiores chances de eficácia.

Como funciona um software de gestão de frotas?

Teste grátis

A escolha do software adequado para a gestão de frotas é uma tarefa importante e que exige muita atenção.

O empresário precisa estar ciente das necessidades de sua empresa e procurar por um programa que seja fácil de manipular, gere gráficos e permita funcionalidades claras que se adéquam à realidade do negócio.

Entender exatamente como funciona um software de gestão e como sua empresa pode usá-lo a seu favor são premissas importantes, e devem ser levantadas para que a melhor escolha seja feita.

Entendendo um software de gestão de frotas

Um sistema de gestão de frotas possibilita o controle de todas as ações e operações ligadas às etapas da cadeia de suprimentos e movimentação de cargas. Essas plataformas são capazes de monitorar várias atividades logísticas como:

  • Expedição e entrega de pedidos;
  • Emissão de documentos;
  • Sistema de distribuição;
  • Rastreamento;
  • Planejamento de rotas e criação de mapas inteligentes;
  • Telemetria — monitoramento da performance de motoristas;
  • Controle de manutenções;
  • Histórico do cliente.

Claramente, é possível perceber o quanto um software de gestão de frotas contribui para elevar o nível do serviço oferecido aos clientes e os processos de transporte.

Muitas empresas nesse segmento precisam lidar com problemas como sinistros, desgaste precoce dos veículos e desperdícios, que por vezes é ocasionado por uma falha no aproveitamento dos recursos e questões como o planejamento ineficaz da distribuição e do carregamento.

Falta de um controle mais rígido do estoque e sobrecarga de caminhões são aspectos que dificultam a distribuição das mercadorias e o funcionamento dos veículos — isso implica na necessidade de consertos urgentes e inesperados, que quase sempre saem mais caros do que manutenções preventivas e corretivas.

Assim, com um sistema de gerenciamento, é possível reduzir custos operacionais de forma expressiva e identificar erros recorrentes que comprometem o fluxo contínuo e eficiente dos processos logísticos.

Com o tempo, empresas que adotam esses sistemas passam a ver como seus recursos podem ser utilizados de forma mais racional, aprimorando todos os processos e reorganizando as etapas de distribuição como:

  • Estoque e inventário;
  • Preparação da mercadoria (embalagens);
  • Montagem e disposição das cargas no carro;
  • Tipo de veículo mais adequado para o transporte;
  • Pontos de parada para embarque e desembarque;
  • Tempo do trajeto.

Com etapas otimizadas, os processos logísticos se tornam mais eficientes, enxutos e produtivos, com foco na qualidade e nas boas práticas.

A importância de inovar

A logística é composta por operações complexas e está frequentemente sujeita a riscos. Para ter mais controle, organização e planejamento são práticas essenciais que ajudam empresas a identificar ações e táticas para uma melhor performance e crescimento.

Para embasar o planejamento, uma visão estratégia sobre o negócio, o mercado e a concorrência é crucial para que um empreendimento conquiste uma posição de destaque, saiba apontar o momento certo para fazer mudanças e consiga responder e se adaptar rapidamente às transformações que sempre aparecem.

Sendo assim, a Inteligência de Negócios aplicada à logística confere um suporte e conhecimento para que gestores calculem possibilidades, minimizem o impacto de imprevistos e estejam sempre preparados.

9 motivos para contar com um software de gestão de frotas

Um gestor de frotas sabe muito bem o quanto as operações logísticas são amplas e cheias de detalhes, portanto, cada decisão precisa ser bem estruturada a fim de não gerar transtornos para a empresa.

A implementação de um software de gestão de frotas integra todas as informações importantes sobre as operações em um só lugar, dá mais controle para o gestor e permite que ele acompanhe com atenção todos os processos, podendo evitar uma série de problemas.

Se você quer ter certeza se essa ferramenta é realmente compatível com as necessidades da sua empresa, conheça 9 vantagens de poder contar com um software de gestão:

Mais controle sobre as despesas

Um grande benefício que um software confere para gestores de frota é a possibilidade de acompanhar melhor as despesas. O programa é capaz de fazer um controle mais preciso, mostrar todos os gastos e, assim, o empresário consegue avaliar se existem custos desproporcionais, apontar melhorias, entre outras ações.

Os relatórios de custos gerados pelo sistema permitem uma visão clara de como os recursos da empresa estão sendo direcionados, por exemplo, o quanto está sendo gasto com pneus, manutenção ou combustível.

Com mais visibilidade e exatidão dos números, o gestor pode projetar despesas com o intuito de evitar desperdícios ou prejuízo para a empresa. Um relatório bem detalhado e de qualidade oferece dados como valor do quilômetro rodado, quilometragem de cada veículo, gastos por motorista, entre outras combinações matemáticas que podem ser muito úteis para o planejamento orçamentário.

Redução de custos

Pegando um gancho do tópico anterior, quanto mais controle se tem das despesas, mais simples é entender como economizar. A redução de custos é consequência da organização e do planejamento que acontece com a adoção de um software, já que agora a empresa consegue identificar rápido e facilmente a fonte de desperdícios e gastos exagerados.

A automatização de algumas tarefas, promovida pelo software, também resultam em uma redução expressiva de custos operacionais.

Outro ponto importante é a questão das despesas com a manutenção. Com o sistema digital, o gestor tem uma melhor noção sobre o estado de cada veículo e pode planejar reparos para evitar grandes consertos de emergência que sempre saem mais caros.

Aumento da produtividade

Quando tarefas que antes levavam horas para seres cumpridas são automatizadas, a equipe ganha mais tempo para focar na parte mais estratégica da gestão de frotas, e a produtividade da empresa é elevada.

Como o sistema integra todos os pontos das operações logísticas, um fluxo do trabalho mais produtivo pode ser estabelecido, evitando questões como ociosidade e retrabalho.

Automatização dos processos

Tarefas executadas manualmente ocupam muito o tempo da equipe, comprometem a produtividade e, ainda, estão sempre mais sujeitas a erros e desencontros.

Automatizar processos mais burocráticos e complexos é um grande ganho para a gestão de frotas. Isso torna o dia a dia do setor mais prático e ágil, aumentando a eficiência e o tempo de resposta.

Assim, operações difíceis ou demoradas podem ser executadas na velocidade de um clique, maximizando o rendimento de todo o setor.

Acompanhamento de manutenções

A gestão das manutenções é um fato importante que, conforme falamos anteriormente, tem um alto impacto nos custos e também na disponibilidade da frota.

O ideal é contar com um sistema para poder programar e monitorar reparos, uma vez que manutenções corretivas e preventivas são muito mais eficazes e baratas do que um conserto de emergência.

O software de gestão aprimora esse controle e notifica o gestor sobre a necessidade de troca de peças, reparos mecânicos ou elétricos, antecipando problemas, reduzindo falhas e otimizando a vida útil dos veículos.

Aprimora a disponibilidade da frota

Um veículo que sofreu um desgaste e precisa de reparos, além de gerar mais custos de manutenção para a empresa, não se encontra disponível para uso.

Se essa manutenção não foi bem planejada, isso significa que existem cargas que precisam se transportadas e agora devem ficar paradas por conta de falta de carros. A consequência disso é um possível atraso nas entregas e uma grande insatisfação do cliente final. Todos saem perdendo com isso.

Dessa forma, ter uma visão mais completa sobre o que acontece com os veículos e manter a frota mais produtiva fazem a diferença na vida de um gestor.

Como o software aprimora o controle, agenda manutenções e ainda planeja as melhores rotas, o gestor sabe exatamente com quais carros pode contar e assim coordenar melhor o fluxo de distribuições, garantindo entregas dentro do prazo.

Monitoramento dos veículos

Um dos recursos mais impressionantes que a tecnologia oferece para a logística é a possibilidade de monitorar, em tempo real, o andamento dos veículos.

Dessa maneira, tanto o cliente quanto a empresa sabe com precisão a localização exata de uma carga e, caso aconteça algum imprevisto, o gestor tem recursos para agir rapidamente e pensar em uma forma de solucionar a questão.

O sistema de monitoramento também permite que o gestor de frotas acompanhe paradas e pontos de entrega com segurança e verificar se todos os clientes foram atendidos como deveriam.

Criação de mapas inteligentes

Um software de gestão de frotas oferece o incrível recurso da roteirização, que consiste em uma ferramenta na qual o gestor define o melhor percurso para entrega de produtos, criando uma sequência otimizada por todo o trajeto.

A possibilidade de criar um mapa mais inteligente para coordenar as entregas e todos os pontos de parada que um veículo deve fazer oferece uma série de vantagens como:

  • diminuição do consumo de combustível;
  • diminuição de quilômetros rodados;
  • redução de tempo de entregas;
  • cálculo mais exato das distâncias;
  • racionaliza o uso da mão de obra e evita o desgaste do motorista;
  • evita o trânsito ou rotas perigosas.

Ao traçar um roteiro, o gestor de frotas pode tomar decisões mais estratégicas e ter um controle superior sobre o fluxo de carga e descarga de produtos.

Controle da jornada de trabalho dos motoristas

Monitorar a performance de colaboradores externos é um desafio para muitas empresas. Um software de gestão possibilita que gestores acompanhem, mesmo a distância, o desempenho de motoristas e sua jornada de trabalho, por meio da tecnologia de telemetria.

Desse jeito, o gestor confere dados e verifica se o motorista está, por exemplo, excedendo a velocidade, sendo imprudente ou cumprindo com períodos de descanso — que são estabelecidos pela legislação trabalhista.

Todas essas informações sobre a performance do motorista permitem que gestores vejam se o trabalho está sendo feito com qualidade e ainda garante a conformidade legal, evitando problemas e ações na Justiça do Trabalho.

Como podemos ver, a gestão de frotas exige que os executivos manipulem um volume grande de informações para tomar decisões rápidas e certeiras.

Assim, a Inteligência de Negócios — facilitada com a adoção de um software de gestão de frotas competente — permite mais controle e um conhecimento profundo sobre as operações na cadeia de suprimentos, tornando todos os processos mais eficazes.

 

Acesse nosso site, descubra nossas soluções personalizadas e como a gente pode te ajudar!


 

Existimos para libertar a logística através da tecnologia, resolvendo questões reais e humanas. Somos uma startup que através de IoT conecta carros à internet, combinando excelência em engenharia e ciência de dados.

www.cobli.co

euquero@cobli.co || (11) 4810-2200

Este conteúdo foi útil?
Conte para nós se o conteúdo foi útil. Assim, podemos torná-lo cada vez melhor para você!
Sim0
Não0

Leia também:


Compartilhe esse conteúdo:

2 thoughts on “Por que contar com a Inteligência de Negócios na gestão de frotas?

  • Fabiana

    Interessante.

    Responder
    • Roberta Caprile

      Que bom que gostou, Fabiana. Qualquer dúvida, estamos à disposição!

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *