Autor: Isabella

Como você já deve saber, a Cobli – empresa de tecnologia para gestão de frotas e motoristas – lança semanalmente novas funcionalidades no painel de seus clientes.

Trabalhamos com uma metodologia de desenvolvimento tecnológico focada no cliente, isto é, focada em resolver problemas reais dos gestores de frota e responsáveis logísticos. Nesta semana lançamos duas novas funcionalidades. Leia o artigo e saiba mais sobre elas.

Continue lendo

Entrevistamos um administrador formado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), que atualmente é especialista de orçamento e desempenho dessa empresa global. Ele passou uma tarde com a gente e contou o que é levado em consideração para que uma grande empresa contrate um fornecedor de controle de pragas. Confira a entrevista:

Continue lendo

Neste post, serão detalhados alguns problemas enfrentados no gerenciamento de frotas de veículos e também alguns caminhos para otimizar esse processo. Confira as dicas e prepare seu negócio para uma situação mais competitiva e com melhores oportunidades de alcançar bons resultados!

Continue lendo

No processo de gerenciamento de frotas, nem tudo são flores. Algumas falhas podem ocasionar perdas e impactar o retorno sobre os investimentos. Elas costumam ser as principais causas de desperdício de recursos e de redução da lucratividade.

Conheça os erros mais comuns na gestão de frotas e saiba como evitar esses tipos de ocorrência!

Continue lendo

Separamos um case de uma empresa que otimizou processos na área logística e rapidamente viram resultados acentuados. Conseguiram reduzir 18.9% dos gastos em combustível e reduziram o atraso médio das entregas em 32.3%.

Continue lendo

Motivação, boas condições de trabalho, terceirização e até automação de processos estão entre algumas das soluções encontradas pelos gestores que desejam ver o crescimento de uma organização. Vamos saber um pouco sobre essas soluções e conhecer outras mais?

Continue lendo

Um dos grandes desafios de qualquer gestor de frotas é garantir o controle de sua operação. Isso implica em saber, dentre diversas questões, quem está dirigindo os carros da empresa, por quanto tempo e como estão dirigindo. Com isso em mente e após consultar diversos especialistas em logística optamos por não fazer uso dos convencionais “chaveiros de identificação de motorista” ou ” pin identificador motoristas”.

Continue lendo